Seiko Golden Grand Prix

Depois das medidas invulgares aplicadas à Maratona de Tóquio e do adiamento dos Jogos Olímpicos para o Verão de 2021, eis que a próxima grande competição de Atletismo em terras nipónicas, no novo Estádio Olímpico de Tóquio, segue o mesmo caminho: agendado para 10 de maio, o Seiko Golden Grand Prix foi oficialmente adiado.

Tal como aconteceu com as restantes provas, na base desta decisão de adiamento do Seiko Golden Grand Prix está também a epidemia de coronavírus, que continua a crescer e a fazer vítimas no Japão.

LEIA TAMBÉM
Atletas já sabem quando serão os Jogos Olímpicos de 2021

Segundo anunciou a Federação de Atletismo do Japão (JAAF), a impossibilidade de contar com atletas de craveira internacional em resultado da restrições impostas pelos vários países terá contribuído igualmente para este adiamento.

Seiko Golden Grand Prix faz parte do World Athletics Continental Tour

Recorde-se que o Seiko Golden Grand Prix faz parte das provas internacionais com a classificação mais alta atribuída pela World Athletics, concretamente as etapas do novo Continental Tour.

Consequência da epidemia de coronavírus, que impede a concentração de grandes assistências, o Estádio Olímpico de Tóquio deverá permanecer vazio durante os próximos meses
Consequência da epidemia de coronavírus, que impede a concentração de grandes assistências, o Estádio Olímpico de Tóquio deverá permanecer vazio durante os próximos meses

Mais valorizado surge apenas a Diamond League (também em termos financeiros para os atletas), sendo que o Continental Tour garante igualmente substanciais prémios monetários, mas também pontos no ranking que ajuda a garantir a qualificação para os Jogos Olímpicos de Tóquio.

Entretanto, e na mesma ocasião em que foi anunciado o adiamento, os organizadores do Seiko Golden Grand Prix informaram que uma nova data para o evento será divulgada assim que pandemia de coronavírus estabilizar. Tudo apontando, no entanto, que a realização deste Grand Prix venha a acontecer depois dos Jogos Olímpicos de Tóquio, que foram reagendados para o período entre 23 de julho e 8 de agosto de 2021.

LEIA TAMBÉM
Japão: sobe para sete o número de provas canceladas devido ao COVID-19

Quanto às duas competições igualmente já agendadas para o mesmo Estádio Olímpico de Tóquio, uma nova ronda de qualificação para os atletas japoneses com vista aos próximos Jogos Olímpicos, a 5 e 6 de maio, e os Campeonatos Nacionais dos 10.000 metros do Japão, a 9 de maio, deverão ser igualmente adiados.