O catalão Kilian Jornet correu pela primeira vez neste ano atípico para todos e o resultado não poderia ter sido melhor, já que venceu a prova 17 Lakes Run, inserida no Moonvalley Run Festival.

É verdade que a participado na 17 Lakes Run não contou com grandes nomes do Trail mundial e nem era uma prova do circuito Sky Running. No entanto, o catalão, uma referência no Mundo da Corrida (uma espécie de Eliud Kipchoge para os amantes da corrida no asfalto), voltou a sentir o gosto da competição após um período em que esteve lesionado e sem provas devido à pandemia da Covid-19.

A 17 Lakes Run consistia em correr os 17 lagos que fornecem água a Måndalen, um precioso vale localizado na Noruega, país onde vive Jornet com a sua família. Como demonstrou o catalão nas suas redes sociais, uma região de uma beleza ímpar e com uma variedade muito grande de terrenos.

Jornet terminou a prova com o tempo de 7h56, enquanto Fredrick Askeland registou 8h59. Na prova feminina, apenas com uma atleta, a vencedora foi Aleksandra Narkowicz, com 15h30.

A partida e a chegada foram na pista de Atletismo onde Kilian Jornet, há dias, homenageou o recente recorde do mundo dos 5000 metros de Joshua Cheptegei.