Inês Marques Trail

Campeã nacional de Trail, título a que junta os ceptros nacionais de Trail Ultra e de Sky Race, Inês Marques acaba de assinar pela equipa da Salomon e da Suunto Portugal. Já este fim-de-semana, a portuguesa disputa os Trilhos dos Reis, prova do Campeonato Nacional de Trail.

Melhor portuguesa nos campeonatos do mundo de Trail em Itália (32.º geral feminina) e em Espanha (20.ª da geral feminina), Inês Marques sempre gostou de correr, apesar de serem as duas rodas o desporto-rei na família.

Aos cinco anos, começou a pedir à mãe para que a deixasse correr num clube, tendo a escolha recaído no Independente Futebol Clube Torrense, tinha então já seis anos.

A partir daí, nunca mais parou, tendo feito um pouco de tudo no Atletismo, desde lançamento do peso ao salto em altura, do salto em comprimento à velocidade e às corridas de meio-fundo.

LEIA TAMBÉM
Whaler’s Great Route Azores no calendário da Ultra Trail World Tour

Enquanto iniciada, Inês Marques especializou-se e destacou-se nas corridas de meio-fundo, ainda que fossem os corta matos e os 3000 m obstáculos aquilo que mais a entusiasmava.

O início de Inês Marques no Trail

Em 2013, incentivada pelos pais, também eles atletas, estreou-se nos trilhos no Xmas Night Trail em Leiria, terminando a prova em 1.º lugar, ex-aequo com a sua mãe. Foi neste momento que começou a sua história com a montanha.

Foi na segunda edição do Leiria X-Mas Night Trail, em 2013, que Inês Marques se estreou na especialidade. E logo com uma vitória...
Foi na segunda edição do Leiria X-Mas Night Trail, em 2013, que Inês Marques se estreou na especialidade. E logo com uma vitória…

Hoje em dia campeã nacional de Trail, depois de já ter conquistado o ceptro nacional feminino de Trail Ultra e de Sky Race, Inês tem ainda no currículo um 5.º lugar no OCC e um 10.º no CCC do Ultra Trail du Mont Blanc (UTMB).

O desejo de Inês Marques é correr até ser velhinha

Quanto ao futuro, além de pretender correr até ser velhinha, Inês Marques pretende, pelo menos para já, conseguir conciliar os treinos com a vida profissional que escolheu: Matemática Aplicada à Economia e à Gestão, sendo que, após o mestrado de Ciências Atuariais, passou a trabalhar como atuária numa consultora.

Já no capítulo desportivo, a atleta pretende correr o circuito Golden Trail National Series da Salomon, o Azores Triangle Adventure e uma Ultra lá fora. A qual, diga-se, ainda não está definida, até porque o seu próprio calendário para este ano continua aberto a mais provas.

LEIA MAIS
Golden Trail World Series 2020 já com as datas reveladas

Certo, contudo, é que já este fim-de-semana de 11 e 12 de janeiro correrá os Trilhos dos Reis, primeira prova do Campeonato Nacional de Trail.

A alegria de Inês Marques em fazer parte da equipa Salomon Suunto Portugal

Sobre o convite que recebeu para fazer parte da equipa Salomon Suunto Portugal, Inês Marques afirma-se «muito contente», com aquilo que considera ser o reconhecimento do seu valor.  Até porque, afiança, «são marcas com material de qualidade inquestionável e com valores com os quais me identifico».

Quanto aos companheiros que irá encontrar na sua nova equipa, assume já os conhecer a todos dos muitos trilhos já partilhados, ao mesmo tempo que afirma esperar «aprender muito com toda a equipa, ao partilhar novas experiências, conhecer novos locais e evoluir como atleta».