O Guiness World of Records acaba de reconhecer o japonês Yuki Kawauchi como único atleta a ter conseguido, até ao momento, completar um total de 100 maratonas Sub-2h20.

Segundo noticia o The Japan Times, Yuki Kawauchi, atualmente com 33 anos, já havia recebido um certificado do Guiness World of Records, Livro dos Recordes do Guiness em português, logo após ter cumprido, em 2018, a sua 78.ª Maratona com um tempo abaixo das 2h20. Foi nessa altura que o japonês bateu o anterior recorde, fixado pelo norte-americano Doug Kurtis.

Quanto à concretização da 100.ª Maratona, aconteceu na Hofu Marathon, realizada a 20 de dezembro de 2020, e que Kawauchi terminou com o tempo de 2h10m26.

Entretanto, o japonês completou a recente Lake Biwa Marathon no 10.º posto, desafio que, além de ter sido a 109.ª prova do género terminada e a 101.ª concluída em menos 2h20, permitiu ainda ao atleta fixar um novo recorde pessoal nos 42,195 km, com o tempo de 2h07m27.

«É capaz de não ser muito difícil correr a distância num tempo abaixo das 2h20», comentou, durante uma conferência de imprensa online, Yuki Kawauchi, acrescentando que, «embora possa ser fácil fazê-lo uma vez, para conseguir fazê-lo 100 vezes é preciso mantermo-nos no desporto durante muito tempo, participando em muitas corridas e, acima de tudo, mantermo-nos saudáveis. De outra forma não é possível.»

LEIA TAMBÉM
Yuki Kawauchi alcançou a sua 100.ª Maratona abaixo das 2h20

Em declarações reproduzidas pelo The Japan Times, o atleta conclui que «é preciso realçar que eu não sou o homem mais rápido do Japão, nem sequer o mais forte. No entanto, tenho prosseguido de forma diligente desde que comecei, com seis anos, o que levou a que tivesse conquistado agora este recorde».

Recordar que Yuki Kawauchi fez a sua estreia na Maratona em 2009, participando na Beppu Oita Marathon, a qual terminou no 20.º posto, com o tempo de 2h19m26.

Ainda enquanto amador e numa altura em que trabalhava no Município de Saitama, Yuki Kawauchi ganhou notoriedade ao vencer a Maratona de Boston de 2018, uma das suas 100 maratonas Sub2h20. Apenas um ano depois, tornou-se profissional.

Hoje em dia já consagrado, o japonês garante que, ainda assim, não pretende reduzir a sua preenchida agenda desportiva, que o leva a participar, todos os anos, em mais de 10 Maratonas.

«Pessoalmente, acredito que nunca me retirarei da Maratona e que continuarei a corrê-as, enquanto viver», sentencia.