Maratona de Tóquio 2020

O coronavírus continua a fazer vítimas, também entre as provas populares, no Japão. Com os Jogos Olímpicos de Tóquio a aproximarem-se a passos largos, são já seis as provas canceladas no País do Sol Nascente, depois do anúncio de que a Maratona de Tóquio realizar-se-ia apenas com as Elites. 

Tudo começou há cerca de uma semana, quando a organização da Maratona de Tóquio, uma das Six Majors, decidiu cancelar todas as corridas que faziam parte do evento que é a Maratona da capital japonesa, à excepção da prova de Elites. Motivo: o registo dos primeiros casos de coronavírus, posteriormente denominado COVID-19, em Tóquio.

Justificado com a necessidade de não só evitar grandes ajuntamentos de pessoas, mas também a viagem para Tóquio de atletas chineses oriundos das regiões da China onde o vírus apareceu, o cancelamento acaba, no entanto, de atingir outras provas.

O castelo de cartas

Apesar de, logo após o anúncio da Maratona de Tóquio, ter garantido que a sua prova se mantinha, a organização da Himeji Castle Marathon, prevista para 23 de fevereiro, acaba de anunciar que, afinal, seguirá o exemplo dos 42,195 km da capital nipónica e já não vai realizar a sua prova.

LEIA TAMBÉM
Maratona de Tóquio 2020 torna-se exclusiva para a Elite

O mesmo acaba de fazer a Meia Maratona de Neyagawa, que se realiza em Osaka, e que anunciou igualmente que deixará os 5.392 corredores e 1.350 voluntários, em casa.

De resto, também aqui, a organização informou que seguirá os mesmos passos de Tóquio, ou seja, não reembolsará os participantes, oferecendo, antes, a participação na corrida do próximo ano, aos corredores que, em 2020, foram prejudicados pela decisão.

Igualmente prevista para amanhã, domingo, dia 23 de fevereiro, também a Meia Maratona de Fukaya, em Saitama, anunciou o seu cancelamento, segundo os mesmos princípios: o dinheiro não será restituído, sendo que os atletas que não puderam correr este ano, terão preferência nas inscrições para o próximo ano.

Uma das Six Majors, a Maratona de Tóquio não será, este ano, a mesma festa de anos passados
Uma das Six Majors, a Maratona de Tóquio não será, este ano, a mesma festa de anos passados

Finalmente, também a Meia Maratona Internacional de Inuyama acaba de anunciar que não se realizará, não avançando, contudo mais detalhes, a não ser que em breve serão divulgadas mais informações,  o mesmo acontecendo com a Maratona Feminina de Nagoya, a maior maratona exclusivamente feminina do mundo, a qual estava prevista para 8 de março, mas cuja organização anunciou a decisão de que só realizará a corrida de Elites.

JO2020 suspendem ensaios de voluntários

Entretanto, na preparação para os Jogos Olímpicos de Tóquio, o Comité Organizador acaba de anunciar a decisão de suspender, já a partir deste sábado, quaisquer ensaios com o pessoal que irá trabalhar como voluntário durante o evento. Medida que tem por objectivo ajudar a conter a propagação do vírus.

LEIA TAMBÉM
JO2020: comité organizador japonês recusa adiar ou cancelar evento

Apesar desta decisão, o comité organizador parece manter a intenção de realizar os Jogos Olímpicos,  de 24 de julho a 9 de agosto.