A polaca Patrycja Bereznowska, que este ano venceu a classificação feminina da PT281+ em Portugal, acaba de bater o recorde mundial de corrida numa passadeira ao completar as 48 horas de prova com um total de 325 quilómetros cumpridos.

Patrycja Bereznowska participou no campeonatoa 48 horas a Correr e assumiu a liderança entre as mulheres após 12 horas de corrida, quando já tinha 116,83 km cumpridos.

Patrycja estabeleceu um novo recorde polaco das 100 milhas (160,93 km) em passadeira, com o tempo de 17h48m28, superando desta forma a anterior marca fixada por Hanna Nejfeld em menos de 3 horas.

LEIA TAMBÉM
João Oliveira questiona organização e 3.º lugar de Patrycja Bereznowska na PT281+

Completadas as 24 horas de corrida, a atleta polaca contava já com 212,25 km nas pernas, embora continuasse a aumentar a vantagem sobre as restantes competidoras.

Na verdade, só à passagem da 27ª hora é que o esforço de Patrycja esteve perto de resultar em nada, com a polaca a contrair uma lesão séria no quadríceps.

No entanto, e graças à intervenção dos terapeutas, a vencedora do PT281+ acabou conseguindo manter-se em prova. Após 39 horas de corrida, Patrycja ultrapassou a ansiada barreira dos 300 km.

Foto: Patrycja Bereznowska Facebook

Completadas as 48 horas de prova, Patrycja Bereznowska terminaria com um total de 325 km, obtendo, desta forma, não somente o primeiro lugar entre nas mulheres, como também um novo recorde feminino de 48 horas a correr sobre uma passadeira.

Referir que o anterior recorde era pertença da sueca Kristina Paltén, com um total de 322,93 quilómetros percorridos em 48 horas.