O triatlo mundial vai colocar os seus olhos em Lisboa no dia 21 de maio, quando a capital portuguesa receber a qualificação direta para as Estafetas Mistas da modalidade, um evento que atribuirá três vagas para os Jogos Olímpicos de Tóquio.

A prova de estafetas mistas é uma das estreias do calendário olímpico e é uma das provas mais aguardadas do evento, fruto da espetacularidade que vemos nas provas da Taça do Mundo do calendário do triatlo.

No total, cada equipa, com dois atletas masculinos e outros tantos femininos, vão nadar 300 metros, pedalar 7 km e correr 1,8 km. Ou seja, é uma prova realmente ao sprint, onde não há tempo para gerir forças, pelo menos para aqueles que sonham com um pódio olímpico.

A equipa nacional ainda não foi definida, mas será composta por quatro dos seis atletas do projeto olímpico: João Pereira, João Silva, Vasco Vilaça, Melanie Santos, Gabriela Ribeiro e Helena Carvalho.

A prova de estafetas mistas realizar-se-á no dia anterior a realização da Taça do Mundo, agendada para a capital nos dias 22 e 23 de maio. Além de Lisboa, teremos ainda mais provas de qualificação para os Jogos Olímpicos:

  • Campeonato do Mundo de Yokohama (Japão): 15 e 16 de maio
  • Taça do Mundo de Arzachena (Itália): 29 e 30 de maio
  • Campeonato do Mundo de Leeds (Inglaterra): 5 e 6 de junho
  • Taça do Mundo de Huatulco (México): 12 e 13 de junho

Tanto as Estafetas Mistas como a Taça do Mundo decorrerão no Braço de Prata, em Marvila, que vai centrar os olhos do triatlo mundial em Lisboa nos dias 21, 22 e 23 de maio.