IRONMAN Cascais

Inicialmente agendado para 26 de setembro, mas entretanto colocado em stand-by devido à pandemia de coronavírus, o IRONMAN Cascais já tem nova data: 7 de novembro de 2020.

O anúncio foi feito pela própria organização do IRONMAN, numa altura em que, com o levantamento progressivo das medidas de confinamento, a entidade procura datas que permitam agendar o máximo possível de etapas da competição.

«Sempre com a saúde e a segurança da nossa comunidade como objetivo principal, mas também em consonância com a cidade de Cascais, o IRONMAN Cascais, originalmente agendado para o dia 26 de setembro, acaba de ser reagendado para o dia 7 de novembro de 2020», anuncia o organismo em comunicado.

LEIA TAMBÉM
Final do Mundial de IRONMAN de 2020 adiada para fevereiro de 2021

A decisão vem assim de encontro àquelas que são as mais recentes diretrizes emanadas do Governo de Portugal, e que, a exemplo do que já foi decidido por outros países, proíbe a realização de eventos musicais e desportivos até 30 de setembro.

«Reconhecemos que a nova data, decorrente da pandemia de Covid-19, poderá mostrar-se decepcionante, mas, ainda assim, esperamos poder proporcionar, a todos os atletas, uma experiência excecional durante esta prova, lá mais para o final do ano

De resto, todos os participantes já inscritos na etapa de Cascais terão já recebido a informação com a nova data, mas também a hipótese de escolherem uma de duas opções: aceitar a nova data ou transferir a sua inscrição para 2021, ano em que o IRONMAN Cascais deverá realizar-se a 9 de outubro.

IRONMAN 70.3 Cascais também adiado

Entretanto, e com o adiamento do IRONMAN Cascais, foi igualmente adiado o IRONMAN 70.3 Cascais.

No caso da prova de meia distância, a nova data é um dia depois da prova-rainha, ou seja, dia 8 de novembro.