Agendada para o próximo domingo, dia 4 de outubro, a Maratona de Londres de 2020 promete um confronto à parte entre dois dos principais fundistas da atualidade: Eliud Kipchoge e Kenenisa Bekele. Conheça tudo o que pode esperar deste confronto, como os ritmos a seguir para o recorde do mundo mas também quem poderá intrometer-se no meio.

A Maratona de Londres foca neste momento os olhos do Mundo da Corrida, mas também do Desporto, tudo devido ao duelo entre o homem mais rápido da distância, Eliud Kipchoge (2h01m39, em 2018), e o segundo mais rápido, Kenenisa Bekele (2h01m41, em 2019, ano em que Kipchoge correu os 42,195 km em 1h59m40, embora o tempo não seja considerado oficial pela World Athletics).

Portanto, corrida londrina é mais uma etapa num confronto que já conta com quatro episódios na Maratona. Todos eles de resultado final favorável a Kipchoge (leia aqui).

Os confrontos Kipchoge-Bekele

Para recordar um pouco sobre a história desta rivalidade, é preciso recuar até 2014 e à Maratona de Chicago, prova em que Kipchoge venceu com o tempo de 2h04m11, com Bekele a não ir além do quarto posto, com mais de um minuto de diferença do vencedor (2h05m51).

LEIA TAMBÉM
Maratona de Londres 2020: dizemos-lhe tudo o que precisa saber

Com o resultado em 1-0 para o queniano, o confronto voltou a acontecer dois anos depois (2016), pela primeira vez em Londres, com nova vitória de Kipchoge, com o tempo de 2h03m05, tendo Bekele terminado no lugar mais baixo do pódio, com o tempo de 2h06m36.

Apenas um ano depois (2017), em Berlim, novo triunfo – no confronto e na corrida – para o queniano, com o tempo de 2h03m32, ao mesmo tempo que Bekele abandonava a prova.

Em 2018, novamente em Londres, Kipchoge venceu com pior tempo (2h04m17) que em 2016, ao passo que Bekele foi sexto, com 2h08m53.

Os ritmos do recorde mundial

Kipchoge espera vencer mais um confronto com Bekele em Londres no próximo domingo
Kipchoge espera vencer mais um confronto com Bekele em Londres no próximo domingo

De resto, e para termos um novo recorde do mundo no domingo, os corredores da elite terão de correr a um ritmo de 2m54/km, como o fez Kipchoge em 2018.

As parciais dos dois monstros do Atletismo mundial
As parciais dos dois monstros do Atletismo mundial

Os outsiders

No entanto, e apesar desta luta muito particular a dois, importa recordar igualmente que nem só Kipchoge e Bekele vão estar à partida para a Maratona de Londres, no domingo.

Pelo contrário… Presentes vão estar vários outsiders com marcas de respeito que, num dia menos positivo dos dois favoritos, poderão mesmo intrometer-se na luta pela vitória.

Os principais são os seguintes:

  • Mosinet Geremew (Etiópia) – 2h02m55
  • Mule Wasihum (Etiópia) – 2h03m15
  • Sisay Lemma (Etiópia) – 2h03m36
  • Tamirat Tola (Etiópia) – 2h04m06
  • Marius Kipserem (Quénia) – 2h04m11
  • Shura Kitata (Etiópia) – 2h04m49
  • Sandre Moen (Noruega) – 2h05m48

Competição acirrada na corrida masculina da Maratona de Londres 2020? É verdade! Ou, pelo menos, mais acesa que no feminino, sobre o qual poderá descobrir amanhã…