Agnes Jebet Tirop, de 25 anos, recordista do mundo dos 10 quilómetros, foi encontrada morta a facadas na sua casa, em Iten, no Quénia.

Quarta colocada nos recentes Jogos Olímpicos de Tóquio nos 5.000 metros, Agnes Jebet Tirop foi encontrada sem vida na sua casa, com a imprensa local a referir que o seu corpo foi alvo de várias facadas na região do abdómen.

A sua morte foi confirmada por Barnaba Korir, presidente da Federação de Atletismo do Quénia. 

Agnes Jebet Tirop alcançou o recorde do mundo nos 10 quilómetros na Alemanha no passado mês de setembro, quando correu a distância em 30s01 (leia aqui). Recorde-se que o anterior registo, de 30s29, estava na posse da marroquina Asmae Leghzaoui desde 2002.

Recorde-se que, há dias, Hosea Macharinyang Mwok foi encontrado sem vida na sua casa, ao que tudo indica após cometer suicídio (leia aqui).