Maratona de Hong Kong

A Maratona de Hong Kong, que ficou marcada pelo recorde da prova por parte do etíope Bizuneh Melaku Belachew, também teve a sua nota negativa, concretamente a morte de uma atleta de 52 anos. Algo que aconteceu recentemente em anteriores edições…

 

Partilhe pelos amigos e faça um LIKE na nossa página. Obrigado! 

 

Com cerca de 70 mil corredores em todas as suas provas, a Maratona de Hong Kong é uma das competições mais significativas do continente asiático. Por isso, a morte de uma participante acaba por ensombrar a festa popular que viveu a ex-colónia britânica.

Maratona de Hong Kong 2017

Segundo as autoridades, a atleta em causa participou na corrida de 10 quilómetros, tendo caído perto da meta, em Victoria Park. Apesar do rápido apoio médico, a verdade é que não conseguiu resistir, com o óbito a ser declarado esta segunda-feira.

Os organizadores revelaram que 27 atletas receberam tratamento hospitalar. De referir ainda que a morte assola a Maratona de Hong Kong, algo que aconteceu por exemplo em 2015, 2012 e 2006.

LEIA TAMBÉM:

Jéssica Augusto brilha em Barcelona, Belachew em Hong Kong