Os etíopes Mosinet Geremew e Mule Wasihun são os principais adversários do queniano Eliud Kipchoge na edição deste ano da Maratona de Londres, agendada par o dia 26 de abril.

Kipchoge, Geremew e Wasihun. Ou seja, este ano, teremos o pódio da Maratona de Londres de 2019, num novo duelo que promete apaixonar mais uma vez os amantes do Mundo da Corrida.

No ano passado, o queniano terminou a prova em 2h02m37, à frente de Geremew (2h02m55) e Wasihun (2h03m16).

Se Kipchoge é o homem mais rápido do mundo, com 2h01m39, Geremew alcançou precisamente em Londres o quinto melhor tempo de sempre, enquanto Wasihun também obteve o seu melhor tempo na Maratona, o 11.º registo de sempre.

Além da estrela Kipchoge, a Maratona de Londres 2020 contará ainda com três atletas Sub-2h04, concretamente os etíopes Tamirat Tola (2h04m06) e Shura Kitata (2h04m49) e o queniano Marius Kipserem (2h04m11), mas também o quarto do ano passado (e segundo em 2018), Shura Kitata, com 2h05m01.

LEIA TAMBÉM
Mo Farah regressa às pistas nos Jogos Olímpicos de Tóquio

Uma das ausências deste ano é Mo Farah, quinto no ano passado, que desistiu da Maratona para se concentrar nos 10000 metros, distância que pretende correr nos Jogos Olímpicos de Londres.

Em relação aos atletas não-africanos, nota para o norueguês Sondre Moen (2h05m48), o italiano Yassine Rachik (2h08m05) e o australiano Jack Rayner (2h11m06).

Recorde-se que Kipchoge procurará alcançar a sua quinta vitória na Maratona de Londres 2020. Antes, venceu em 2015, 2016, 2018 e 2019.

LEIA TAMBÉM