Embaixadora da New Balance, nova patrocinadora da prova nos próximos três anos, Isabel Silva foi uma das apresentadoras da nova edição da São Silvestre de Lisboa, que, este ano, será realizada a 28 de dezembro e que vai contar com três treinos de preparação, a 7, 14 e 21 de dezembro.

Isabel Silva já correu a São Silvestre de Lisboa. E a verdade é que não teve uma experiência muito positiva. Tudo devido a consoada. No ano em que participou, há três anos, a prova foi realizada a 26 de dezembro.

Mulher do Norte, Isabel Silva caprichou na consoada, não se renegando a nada do que tinha direito, como as inevitáveis rabanadas. O problema é que, dois dias depois, tinha como objetivo superar o seu melhor registo pessoal nos 10 km, ou seja, correr a distância em 40 minutos.

«O meu intestino pregou-me uma partida, já que comi demais no dia anterior e abusei nas frituras e nos açúcares (…) Aos 6 km tive uma enorme vontade de ir à casa de banho e fui obrigada a abrandar. Tudo se tornou mais difícil quando eu começo a subir a Avenida da Liberdade, na parte final. Começa toda a gente a passar por mim, eu com uma enorme frustração por não conseguir dar mais.»

Conclusão de Isabel Silva para a edição deste ano?

«Para o próximo ano, a seguir ao Natal, se calhar vou ter mais cuidado com aquilo que como.»

A embaixadora da New Balance revelou ainda que gosta particularmente da São Silvestre de Lisboa devido ao período em que ela é realizada, o Natal. «Há um espírito natalício em todos», considerou.

Isabel Silva, que neste momento tem como foco a Maratona de Nova Iorque, agendada para 3 de novembro, ressaltou ainda que todos deveriam participar dos treinos que a organização da São Silvestre de Lisboa, a HMS Sports, vai organizar nos três últimos sábados antes da São Silvestre de Lisboa, a 7, 14 e 21 de dezembro.

«Conhecemos sempre pessoas que estão na área da corrida (…), uma oportunidade de trocar experiências e impressões dos treinos e das provas com pessoas especialistas, além de consolidarmos esta família da corrida.»

Isabel Silva ressalta o calor humano da São Silvestre de Lisboa

A embaixadora da New Balance ressaltou que gosta muito de correr, de melhorar o seu tempo, de competir consigo própria, mas o que realmente «ama» na corrida é o espírito que a modalidade transporta, de entreajuda, de comunhão de um objetivo, o espírito da camaradagem, da equipa.

«Apesar da jornada ser tua enquanto estás a correr, apesar de irmos focados na nossa bolha, eu sinto que estamos todos no mesmo caminho, no mesmo barco, somos todos da mesma família. Quantas das vezes que, quando estou a correr, tenho ao meu lado pessoas que não conheço de lado nenhum, mas sei que estamos a estabelecer uma ligação enquanto dura a prova. E depois, no final, estou ali minutos e minutos a falar com aquela pessoa sobre a prova, que tem tanto para me ensinar, assim como eu também tenho tanto para lhe dizer, tudo por aquilo que vivemos enquanto estivemos a correr. É isto que me faz dizer vezes sem conta que quero correr até ser velhinha.» 

Isabel Silva vai correr novamente a São Silvestre de Lisboa
Isabel Silva vai correr novamente a São Silvestre de Lisboa

E é essa ligação que Isabel Silva vai procurar encontrar novamente no próximo dia 28 de dezembro, na São Silvestre de Lisboa, numa prova onde há um «calor humano que se sente» ao longo de todo o percurso, tanto entre o público e os atletas assim como entre os próprios participantes, uma ligação que acontece com naturalidade, como referiu a apresentadora, mas que se ressalta ainda mais na época do Natal.

1 COMENTÁRIO

Comments are closed.