Javier Diaz-Castroverde

Depois de um corredor chinês ter feito 50 km dentro em casa à volta de duas marquesas e ter divulgado o feito através das redes sociais, agora é um espanhol, Javier Muñoz Diaz-Castroverde, que, sem poder sair de casa, correu 61 km num espaço com apenas seis metros de distância entre paredes em pouco mais de 10 horas!

Atleta amador apaixonado por provas extremas, como o Ironman ou o Ultraman, dois desafios que, aliás, já completou, Javier Muñoz Diaz-Castroverde, espanhol de 41 anos, natural da Corunha, decidiu homenagear os profissionais do serviço de emergência e todo o pessoal que passa os seus dias a cuidar dos doentes colocando em risco a sua própria vida. Como? Correndo na sala do seu apartamento (uma divisão com pouco mais de seis metros de parede a parede) um total de 61 quilómetros, precisamente o número de emergência das ambulâncias, em Espanha.

View this post on Instagram

Siempre me gustaron los retos, y si son parar poder aportar mi granito de arena hacia aquellos que más lo necesitan más todavía. El reto 061 surge entre la necesidad de seguir haciendo deporte y poder agradecer a todo el personal sanitario español su gran trabajo en la crisis a la que nos estamos enfrentando: el covid-19. De tod@s es bien sabido que el teléfono 061 hace referencia al número que marcamos cuando necesitamos la ayuda urgente del personal sanitario en gran parte del territorio nacional. Con apenas 4 metros de pasillo, el reto se hace todavía más retador si la distancia a recorrer es la misma que marca el número al que llamamos: 061 kms. Desde mi retiro "deportivo" sigo pensando que lo vamos a conseguir!!! España es un país grande, y nada ni nadie nos va a parar!!! 🇪🇸 🇪🇸 🇪🇸 🇪🇸 🇪🇸 🇪🇸 🏃 🏃 🏃 🏃 🏃 🏃 🏃 🏃 🏃 🏃 #prohibidorendirse #garmin #porqueestaprohibidorendirse #levantarseesunaopcion #triathlon_in_the_world #tri #runnermadrid #adidas #somostriatlon #nadar #swinming #correr  #running #bicicleta #bike #londonmarathon @garmin_iberia @garmin @londonmarathon #runnersofinstagram #runnersword #stravarunning @runningfrm @adidas @davidcallejo10 @adidasrunning #adidasrunnersmadrid @adidasrunners #adidasaniversario @226ers @inverseteams @sockla_ #reto061 #yomequedoencasa #quedateencasa #frenalacurva #yolijoserresponsable #coronavirusespaña #coronavirus #covid19

A post shared by Javier Castroverde (@mcastroverde78) on

LEIA TAMBÉM
Coronavírus leva atleta chinês a correr 50 km à volta de duas marquesas de massagem

Segundo revelou o próprio atleta, que inclusivamente publicou nas redes sociais o registo do seu feito, a totalidade da distância foi alcançada num tempo de 10 horas, 13 minutos e cinco segundos, tendo Javier queimado um total de 3.408 calorias.

Para conseguir alcançar a meta a que se havia proposto, o espanhol recorreu a barras energéticas, água, bebidas isotónicas e recuperadores musculares. Soluções que, ainda assim, não dissiparam por completo os momentos difíceis como foi o surgido ao quilómetro 53, em que Javier chegou mesmo a atirar-se para o chão, só pensando em abandonar. O que, no entanto, não fez…

Cumprido que está este desafio, Javier Muñoz Diaz-Castroverde tem já uma nova meta definida: correr 112 quilómetros, mais uma vez, como forma de homenagem ao número europeu de emergências. Embora, desta feita, o objetivo seja chegar à meta num plateau de televisão, já depois da pandemia de coronavírus ter passado…  

Foto: Instagram