De origem norte-americana, o peruano David Torrence, de 31 anos, foi encontrado morto numa piscina dos Estados Unidos, revelou a Federação Peruana de Atletismo através de um comunicado.

 

O corpo de David Torrence foi encontrado pelos vizinhos no fundo de uma piscina comunitária, revelou o diário Depor, do Peru. Quarto na milha da Liga Diamante de Birmingham (Reino Unido) no passado dia 20 de agosto, o peruano chegou a Scottsdale, onde treinava.

 

 Federação Peruana de Futebol revela morte de David Torrence
O Twitter da Federação Peruana de Futebol

 

As causas da morte ainda não são conhecidas, algo que será desvendado após a autópsia. No entanto, segundo informação da imprensa norte-americana, as autoridades locais já estão a investigar o caso, apesar de não terem encontrado nenhum indício suspeito.

Peruano alcançou o 13.º lugar nos 5000m nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro

Torrence conquistou a medalha de prata no Campeonato Mundial de Estafeta em 2014 com os Estados Unidos, obtendo o mesmo metal em 2015 nos Jogos Pan-americanos. Em 2016 decidiu representar o Peru nos Jogos Olímpicos e este ano no Mundial de Londres.

Finalista ano passado no Rio de Janeiro nos 5000 metros, onde alcançou o 13.º lugar com o tempo de 13m42s12, o melhor atleta sul-americano da corrida, David Torrence, filho de pai norte-americano e mãe peruana, é o atual recordista do seu país nos 800 metros (1m47s01), nos 1500 metros (3m34s67), ambos tempos alcançados este ano, e nos 5000 metros (13m23s20), registo obtido no ano passado.

Além da final dos 5000 metros, Torrence participou nas eliminatórias dos 1500 metros do Mundial de Londres (3m46s39), não alcançando a meia-final da prova, causando na ocasião alguma surpresa no seu país.

LEIA TAMBÉM

Corredor francês morre após queda no Mont Blanc