Andorra Ultra Trail Vallnord

Evento de referência do Trail Running mundial, o Andorra Ultra Trail Vallnord é a mais recente competição a anunciar o cancelamento. Desta feita, não apenas por culpa do coronavírus e não somente para este ano…

Realizado desde 2009, o Andorra Ultra Trail Vallnord tinha lugar nas montanhas mais altas dos Pirinéus, onde decorriam um total de cinco corridas de montanha e uma caminhada.

LEIA TAMBÉM
Cerca de 80 portugueses no Andorra Ultra Trail Vallnord

A primeira corrida a sair era, desde 2017, a prova de 233 km, denominada Eufòria, logo seguida da prova rainha, de 173 km, intitulada Ronda dels Cims.

Em seguida, saía a corrida de 112 km, que tinha o nome de Mític, e, depois, a Celestial, de 83 km. O evento terminava com a Marató dels Cims (42,5 km), seguida da caminhada solitária, Solidaritrail, com 10 km.

No entanto, e apesar da forte participação que todas as corridas reuniam, congregando cerca de 2200 atletas oriundos dos mais variados países, a organização do Andorra Ultra Trail Vallnord acaba de tomar uma decisão difícil: por razões «económicas, e sobretudo morais», conforme pode ler-se no comunicado de despedida, o evento não mais se realizará.

Fundamentando a decisão de não realizar a edição deste ano devido ao «contexto de crise excecional e incerteza decorrentes da pandemia do coronavírus», os organizadores do Andorra Ultra Trail Vallnord acrescentam que este cancelamento acabou levando a um «incumprimento do nosso patrocinador mais importante e que nos deixou numa situação económica insustentável, impedindo-nos de devolver a totalidade do valor das inscrições» dos atletas que já se haviam comprometido com a edição deste ano.

Ao mesmo tempo, «também não pudemos assegurar os dorsais para 2021, uma vez que não tínhamos os principais contratos de patrocínio assegurados».

Com «prejuízos na ordem dos 60 mil euros», que, ainda assim, «estávamos na disposição de assumir de forma a garantir a continuidade do evento», uma «campanha de calúnias, envolvendo o nome do evento, mas também da nossa família», a par de «ameaças pessoais que tivemos de comunicar às autoridades», acabou levando os organizadores a, também devido «à falta de apoio moral (…), tomar a decisão de não continuar com a organização do evento».

LEIA TAMBÉM
Mariana Machado, a campeã de Ultra Trail que corre em… estrada

Assim, e agradecendo a «todos os corredores, voluntários, patrocinadores, trabalhadores e cidadãos que nos apoiaram durante todo este tempo», a organização despede-se da prova, mantendo no entanto «a recordação das 11 edições magníficas que vivemos e, sobretudo, todo aqueles que nos acompanharam ao longo deste caminho».

FOTOS: Andorra Ultra Trail Vallnord