O treino mental, na corrida, é tão importante como o próprio treino físico ou nutricional, embora muitos corredores coloquem para segundo plano (ou mesmo terceiro…) a sua utilidade. Conheça uma das estratégias mais utilizadas na sua utilização.

Sports Mental Coach da Hypno Coaching, Jorge Boim defende obviamente o treino mental, que deve ser olhado com mais cuidado pelos corredores anónimos das corridas.

Por exemplo, uma das estratégias que é utilizada neste tipo de treinos é a visualização.

«A visualização de uma prova depende da forma como encaramos o Mundo», refere o especialista, que salienta no entanto que essa visualização depende de algumas variáveis.

Por exemplo, alguns corredores necessitam de estímulos associados às visualizações para obterem uma melhor perfomance, como o som. Mas atenção, o som pode não ser ouvir música, mas o som da ambiência do treino/corrida.

Jorge Boim defende que o treino mental é semelhante às necessidades que temos quando vamos ao médico. Os corredores apresentam as suas “queixas” (falta de motivação, ansiedade, recorde pessoal, etc.) e o especialista avalia a melhor maneira de responder a esse problema.

«Fazemos uma abordagem a um sintoma em particular

Por exemplo, para os corredores que têm problemas de ansiedade, que não conseguem dormir bem na véspera do grande dia devido ao nervosismo, Jorge Boim refere que é necessário atacar esse problema na origem, muitas vezes à infância do corredor.

«No caso das ansiedades, por exemplo, oferecemos técnicas que o corredor pode utilizar para acalmar ou relaxar antes das competições (…) É importante ir à origem, ir à causa que leva àquele sintoma.»

VEJA TAMBÉM

1 COMENTÁRIO

Comments are closed.