Depois de ontem termos abordado as vantagens do treino em pista, esta terça-feira recordamos-lhe as principais regras a que deve obedecer sempre que entrar na pista de Atletismo para fazer o seu treino ou prova.

Numa era em que a maioria dos corredores, especialmente os amadores, dão azo à sua paixão nas ruas e avenidas das cidades, correr na pista tornou-se algo cada vez mais raro.

LEIA TAMBÉM
Treinar em pista: damos-lhe cinco razões para que inclua esta variante no seu treino

No entanto, é preciso não esquecer que para correr na pista há regras e comportamentos específicos. Estas são as três regras básicas para qualquer atleta que aí queira correr:

  • Respeite a velocidade das pistas
    Tradicionalmente composta de oito pistas, a número 1, a mais próxima da parte de dentro do circuito, é a única que tem exatamente 400 metros.
    À medida que vamos para a parte de fora, também a distância a cumprir para fazer uma volta à pista aumenta, sendo que, quanto mais larga for a pista (geralmente mede 1,25 metros), maior é a distância a percorrer pelos corredores.
    Explicado este facto, torna-se fácil de compreender porque é que, numa prova de 400 metros, os atletas partem de locais diferentes na pista, assim como, nas provas de fundo, todos os corredores procuram rapidamente aproximar-se da pista 1 para manter-se o mais tempo possível na parte de dentro.
    Assim, e sempre que treinar na pista, lembre-se que as pistas de dentro, principalmente a 1, não são para correr tranquilamente, mas estão reservadas a quem quer fazer uma volta rápida.
    Aliás, o facto de ser a única a medir exatamente 400 metros, a pista 1 é a ideal para calcular o tempo numa certa distância, já que até mesmo os relógios GPS, embora úteis, não conseguem marcar a distância real.
    Quanto às pistas do lado de fora, essas sim podem ser utilizadas para corridas mais lentas e de baixa velocidade.
Correr na pista tem regras que todos devemos respeitar
  • Correr na mesma direção
    Regra universal e condicionada apenas pela própria estrutura da mesma, a pista foi concebida para ser percorrida no sentido contrário ao dos ponteiros dos relógios.
    Cumprir esta regra também é uma demonstração de respeito pelos outros, uma vez que dificilmente conseguirá ter a pista só para si.
  • Não invada as pistas alheias
    Tal como na estrada, nunca devemos mudar de faixa sem olhar primeiro. Ou seja, também na pista nunca se deve entrar no corredor alheio. Por outro lado, e se o treino for feito em grupo, também não é necessário ocupar todas as pistas. Correr em duas pistas é, normalmente, mais do que suficiente