Um dos erros mais comuns dos corredores é olhar apenas para o objetivo final, esquecendo o principal, o caminho até ele. O Sports Mental Coach Jorge Boim, da Hypno Coaching, revela o que devemos mudar.

Quando temos, em todo e em qualquer discurso exterior, o resultado como a palavra-chave da nossa sociedade, é realmente complicado alterarmos o nosso comportamento, seja na corrida como no nosso dia-a-dia.

Evidentemente que ter um objetivo é muito importante, mas Jorge Boim destaca que não é o principal, pelo contrário. Antes de alcançarmos o objetivo, não podemos esquecer que temos um longo caminho por percorrer.

Portanto, definido o caminho, devemos focar nas etapas para lá chegarmos. Como exemplo, o especialista da Hypno Coaching dá um exemplo: o que adianta termos como objetivo correr os 10 km em 50 minutos se não soubermos como podemos lá chegar?

Para isso, é necessário centrar as nossas atenções no presente, focar tudo nos treinos.

Resumidamente, o processo é tão importante quanto o objetivo e cada treino deve ser encarado como uma competição.

OUÇA OS NOSSOS PODCASTS

Jorge Boim oferece inclusive uma estratégia que podemos (e devemos) utilizar nos nossos treinos diários, uma estratégia fundamental que acabará por alterar por completo a nossa perfomance, inclusive nas tão famigeradas séries…