Depois da desilusão de 2015, quando terminou a Maratona do Porto acima das 4h00, Bruno Gonçalves correu novamente a distância no passado domingo, alcançando o seu objetivo de há quatro anos. Eis as suas 10 dicas para quem pretende correr os 42,195 km.

  • Planeamento do treino. Com isso temos outras variáveis, como o planeamento do nosso dia-a-dia e todas as tarefas que ele suporta
  • Foco no objetivo, por mais adversas que possam ser as situações
  • Consciência de que nem sempre conseguimos estar a 100% e que o nosso máximo varia de dia para dia. Por isso, não desmotivar em momentos menos bons
  • Não ter problemas em fazer “longos” sozinho. É muito provável que isso venha a acontecer

LEIA TAMBÉM
A Maratona do Porto Sub-4h00 de Bruno Gonçalves
A pré-Maratona do Porto de Bruno Gonçalves
Os treinos de Bruno Gonçalves para a Maratona do Porto

  • Umas semanas antes da Maratona, ter a noção do que vai utilizar no grande dia, como por exemplo os géis, as sapatilhas e o material de corrida. O objetivo é habituar o nosso corpo
  • Ter atenção à alimentação, na semana anterior à Maratona
  • Pedir a amigos/familiares que venham dar uma ajuda na parte final da Maratona
  • Não fazer experiências no dia da Maratona
  • Começar com calma e progredir com consciência para que tenha uma prova tranquila, dentro dos possíveis
  • Aproveitar o dia da Maratona, desde o início ao fim. Ele passa depressa, acreditem…