Embora um desporto fácil de adotar, a verdade é que a corrida também implica uma série de práticas, recomendações e rotinas que até mesmo quando temos consciência da sua importância acabamos por cometer alguns erros, como estes 20 erros mais comuns!

Quem corre sempre vai cometer erros, que, com o tempo, serão reduzidos. Estes são os 20 erros mais comuns na corrida:

  • Treinar no máximo para avançar mais rápido
    Ter a ideia errada de que é possível fazer em apenas oito semanas uma preparação prevista para 16
  • Comer demasiado
    Uma boa razão para, mesmo depois de realizado o treino, pesar mais…
  • Vestir muita roupa
    Mesmo com o hábito de verificar sempre a meteorologia antes de sair para a rua, a verdade é muitos acabam sempre por cometer o mesmo erro, o de vestir demasiada roupa, algo que acontece com frequência nos treinos matinais e à noite
  • Não descansar
    Estar sempre pronto e disponível para treinar, além de não ser verdade, pode trazer consequências
  • Esquecer-se do protetor
    Apesar de o Sol estar a ferver lá fora, muitos correm sem terem posto protetor. E depois têm escaldões, por exemplo…
  • Abdicar do aquecimento
    Prometemos sempre a nós próprios que não vamos deixar de fazer o aquecimento antes de começar a correr. Mas depois há sempre algo que nos faz esquecer…
  • Deixar a ida à casa de banho para o último instante
    A corrida está quase a começar e é sempre nessa altura que temos a vontade de ir à casa de banho, quando já o poderíamos ter feito
  • Esquecer os alongamentos
    Embora não apeteça, fazer os alongamentos no final da corrida só demora alguns minutos… e faz maravilhas

LEIA TAMBÉM
Exercícios de intensidade moderada: conheça os benefícios

  • Não gerir a sua energia
    Principalmente nas provas mais longas, mas também nas mais curtas isso acontece com frequência, é um erro comum começar a acelerar logo desde o início. A conta chegará mais tarde
  • Desvalorizar as lesões
    O erro de pensar «É só mais esta corrida e depois, vou ver disto» figura, facilmente, como um dos erros mais comuns dos corredores
  • Não dormir o suficiente
    «A mim bastam-me cinco horas de sono para ficar a 100%.» Não, não chegam
  • Não saber parar
    Quantas vezes lhe aconteceu estar a treinar, começar a doer e não parar?
  • Correr muitos quilómetros sem preparação
    O volume para uma prova longa é importante, mas é um erro se não soubermos correr quanto e quando
  • Passar o tempo a comparar-se com os outros corredores
    É consigo mesmo que deve fazer comparações para analisar a sua evolução, não a dos outros
  • Ser escravo do treino
    É bom treinar de forma séria, mas há limites também em termos de compromisso. “Fugir” da corrida é algo muito importante
  • Prometer que compensa no fim-de-semana
    Este é dos erros mais comuns: não só é uma das desculpas mais esfarrapadas, como é um péssimo princípio fazer hoje 20 e amanhã 25 para assim cumprir os 45 que deveriam ter sido feitos ao longo da semana…
  • Treinar no dia da prova
    No dia da prova não se ganha ritmo, como alguns defendem. O ritmo foi ganho nos treinos
  • Duvidar de si mesmo
    Sempre que tal aconteça, lembre-se de toda a preparação que realizou para o momento da sua prova. Se treinou como mandam as regras, não se preocupe, vai correr tudo bem
  • Usar sempre as mesmas sapatilhas até que se rompam
    Como tudo na vida, as sapatilhas também têm prazo de validade, mesmo que sejam as sapatilhas dos nossos sonhos
  • Não beber água durante a corrida
    A hidratação é fundamental durante a prova. Mas não se esqueça que também é antes e depois da corrida