Um dos nomes do nosso Trail, Luís Fernandes é o embaixador de um dos mais novo projetos nacionais relacionados com a modalidade, concretamente a criação da marca Machico-Madeira Trail Capital.

Orgulhoso por ser o embaixador da Machico-Madeira Trail Capital?
Sim, é um grande orgulho ser o embaixador do Machico-Madeira Trail Capital, sendo um reconhecimento de todo o meu percurso no Trail.

Concretamente, qual o papel do atleta Luís Fernandes na Machico-Madeira Trail Capital, as suas funções?
Como atleta, o meu papel é divulgar esta marca, promovendo os fantásticos trilhos que existem no concelho de Machico para a prática do Trail Running.

Em termos globais, o que é a Machico-Madeira Trail Capital?
Machico, terra de desporto, é intitulada por muitos como a Capital do Desporto da Madeira. Devido a este entendimento e por dispormos de condições naturais ímpares para a prática desta modalidade, decidimos criar uma marca que espelhasse essa realidade baseada em factos concretos e que demonstram que Machico é uma terra que aposta no desporto para a sua valorização, seja do ponto de vista promocional e de divulgação do destino, como na promoção da qualidade de vida da população local, seja por ser um importante veículo de dinamização da economia do concelho. Por estes motivos foi criada a marca Machico-Madeira Trail Capital.

LEIA TAMBÉM
Luís Fernandes brilha na Transgrancanaria 2020 que teve dois vencedores

Qual a importância desta nova marca para a região?
A importância desta marca tem variadíssimos fatores:
Machico tem, a cada ano, seis provas de Trail, duas internacionais (MIUT e ULTRA Madeira), uma que faz parte do Campeonato Nacional (Trail Natura do Porto da Cruz) e mais três do Circuito Regional de Trail (Trail de Água de Pena, Trail do LUDENS e o Trail Noturno, o único na região que se faz durante a noite).
Temos ainda dois eventos de Trail Camp promovidas no nosso concelho. O Trail Camp do Porto da Cruz, no mês de janeiro, e o Summer Trail Camp em Machico, no mês de agosto.
É o único concelho da região que tem três percursos de treino que estão montados permanentemente ao longo de todo o ano no Porto da Cruz e que serão estendidos a mais freguesias do concelho.

De certo modo, não deixa de ser algo lógico, fruto do que a região oferece ao Trail. Porque só agora?
Tem sido feito um excelente trabalho na promoção e divulgação do Trail na Madeira, mas sentimos que chegou o momento certo de criar a marca que materialize esta potencialidade, em particular de Machico, apostando numa ainda maior divulgação internacional.

Como referiu, Machico organiza seis provas anuais. O que poderia falar de cada uma?
Todas as provas são diferentes, em distâncias e dimensão.
Temos o MIUT, que é das melhores e mais bonitas provas do circuito mundial Ultra Trail World Tour. Não é por acaso que as inscrição esgotam em algumas horas.
A Ultra Madeira, que vai para a sua quarta edição, é um evento a crescer de ano para ano.
O Trail do Porto da Cruz Natura já conta com sete edições. Nestes últimos anos tem crescido bastante, tornando-se uma das melhores provas de Portugal.
As outras três provas, Trail de Água de Pena, Trail do LUDENS e o Trail Noturno, são provas do âmbito regional, mas que, normalmente, têm uma grande afluência.

Das seis, qual o atleta Luís Fernandes mais gosta de correr?
Das seis provas, o MIUT é a que mais gosto por ser uma das provas mais bonitas do mundo. É um desafio enorme poder concluir esta prova.

O que poderia falar sobre os três percursos de treino montados permanentemente ao longo de todo o ano no Porto da Cruz?
Os percursos de treino são permanentemente mantidos (em termos de sinalética e limpeza), permitindo treinar todo o ano com uma grande diversidade de paisagens e com percursos limpos e seguros para os atletas.

1 COMENTÁRIO

Comments are closed.