Núria Picas vence UTMB de forma espetacular

A espanhola Núria Picas foi a grande vencedora da edição deste ano da UTMB. Após dominar grande parte da prova com enorme vantagem, o triunfo esteve perto de não acontecer…

 

Já de noite em Chamonix, Núria Picas acabou por vencer a edição deste ano da UTMB, após um final impróprio para cardíacos, já que a espanhola sofreu enormes dificuldades nos 20 quilómetros finais e esteve muito perto de sofrer uma dolorosa derrota, concretamente após o posto de abastecimento Vallorcine (149 km). 

«Passou-me algo que nunca aconteceu no passado. Talvez devido a emoção por poder ganhar, tive um ataque de asma, não podia respirar nem correr, agonizei durante 10 quilómetros. Não conseguia correr. Foi a corrida mais dura da minha vida. Acredito que foram os nervos por poder vencer. Ganhar a UTMB é o que todo corredor sonha.»

No final, um triunfo com o tempo de 25h46m43, enquanto a suíça Andrea Huser chegou na segunda classificação com o registo de 25h49m18.

De referir que a espanhola tem dois segundos lugares no UTMB, em 2013 e 2014, razão da sua emoção aquando da chegada.

Para termos uma ideia, a helvética recuperou nos quilómetros finais cerca de 41 minutos, numa corrida de recuperação que ficaria para a história em caso de vitória. E a verdade é que, provavelmente, Huser conseguiria com mais alguns poucos quilómetros. Por exemplo, os cerca de 5 km que foram retirados ao percurso total do programa devido as condições meteorológicas. 

Campeã Caroline Chaverot desiste

No terceiro lugar ficou a francesa Christelle Bard, com um tempo de 26h39m03. Nota ainda para a desistência da campeã do ano passado, após 110 km.

«Tinha muita vontade mas nenhuma energia. A minha saúde acabou por falhar. Depois de lutar durante mais de 12 horas contra o frio e contra a noite, dei-me conta de que não tinha nenhuma possibilidade de chegar a Chamonix. Assim decidi tirar a toalha», escreveu Caroline Chaverot, a grande favorita da prova. Outra que desistiu foi a brasileira Fernanda Maciel (km 96).

 

LEIA TAMBÉM

François D’Haene iguala Kilian Jornet no número de vitórias na UTMB

Luís Fernandes é o melhor português no UTMB

 

Gostaste do artigo? Faz Gosto ou Partilha com os teus amigos!
Pedro Alves

Pedro Alves

Gostou? Partilhe pelos amigos