Alguns dos principais nomes do Trail mundial estarão na Madeira entre os dias 5 e 12 de abril

Caroline Chaverot, Emelie Forsberg, Francois d´Haene, Laura Orgué, Ryan Sandes, mas também os portugueses Ester Alves, Telmo Dourado e José Guimarães, estarão na Madeira entre 5 e 12 de abril, participando da Salomon Running Camp 2018.

 

«Os Running Camps da Salomon têm lugar todos os anos num país diferente e têm como objetivo a partilha de experiências entre os atletas da equipa internacional. Neste encontro, os temas a abordar vão desde as suas provas favoritas, à nutrição ou aos planos para o futuro», refere um comunicado, que adianta que os atletas neste encontro vão ainda testar novos produtos «e contribuir para o seu desenvolvimento, fazendo jus ao processo da co-criação e inovação de que a Salomon tanto se orgulha».

A marca levará ainda para a Madeira «um especialista em nutrição, um terapeuta, comunity managers e criadores de conteúdos audiovisuais».

LEIA TAMBÉM
Ryan Sandes e Ryno Griesel correram 1504 km (Desnível Acumulado de 150 mil metros) em 25 dias

Quem são os participantes do Mundial de Trail 2018 a 12 de maio?

Os atletas internacionais da Salomon que estarão na ilha nos próximos dias são os seguintes:

CAROLINE CHAVEROT
GREGORY VOLLET
EMELIE FORSBERG
ROBBIE LAWLESS
ESTER ALVES
TELMO DOURADO
FRANCOIS D HAENE
MAX ROMEY
IDA NILSSON
JOSÉ GUIMÃRES
LAURA ORGUÉ
JOSEP CUBERES
MAX KING
ARNAUD TORTEL
MEGAN KIMMEL
MIMMI KOTKA
MIRA RAI
RICKEY GATES
RYAN SANDES
STIAN ANGERMUND-VIK

De referir que esta é a primeira participação de Ester Alves na Salomon Running Camp, «que prometeu dar a conhecer os melhores recantos da ilha da Madeira aos companheiros de equipa».

LEIA TAMBÉM
Ester Alves, Tiago Romão e Romeu Gouveia encontram a liberdade nos trilhos

Mas há mais:

«Os atletas também vão partilhar os seus vastos conhecimentos de trail running, promovendo um workshop “How to Trail Run” que terá lugar no dia 7 de abril. Haverá ainda uma projeção de um filme Salomon.»

Gostaste do artigo? Faz Gosto ou Partilha com os teus amigos!
Pedro Alves

Pedro Alves

O futebol sempre acompanhou a minha vida, assim como a natação e o voleibol. As tardes no Estádio do Maracanã, primeiro nas arquibancadas com o meu pai e depois com a “torcida” do Flamengo, são momentos que continuam a marcar as minhas recordações, principalmente a ver Zico a jogar. Em Portugal desde 1989, aos poucos o futebol e o voleibol perderam o seu espaço de prática, mas não de interesse (nesse aspeto o futebol é insubstituível, principalmente a seleção brasileira – como “doeu” os 1-7 da Alemanha… -, o Flamengo e o Barcelona). Se no Brasil a corrida era algo supérfluo, nos últimos anos acabou por ganhar a sua devida importância, primeiro como um hábito de saúde e bem-estar, depois como um desafio pessoal, concretamente terminar uma maratona, feito alcançado no Porto, em 2011. Com mais três no curriculum (duas em Lisboa e uma no Funchal), agora o objetivo é correr a primeira maratona internacional.

Gostou? Partilhe pelos amigos