IAAF revela os mínimos para os Jogos Olímpicos de Tóquio2020

A IAAF, entidade que rege do Atletismo mundial, revelou os tempos mínimos para os atletas alcançarem a qualificação para os Jogos Olímpicos de Tóquio2020, entre 24 de julho e 9 de agosto.

 

A IAAF revelou que, além dos mínimos, o novo ranking mundial por pontos também contará como sistema de qualificação. «Será um sistema misto», revela a IAAF.

LEIA TAMBÉM
Tóquio2020 com estafeta mista de 4×400 metros e muitas novas competições

A entidade escreve no seu site que o “período de qualificação” será entre 1 de maio de 2019 e 29 de junho de 2020. No entanto, para a Maratona e os 50 km marcha, a data limite para alcançar os mínimos é o final de maio, «para oferecer aos atletas qualificados mais tempo de preparação específica para os Jogos».

Os mínimos para os Jogos Olímpicos de Tóqui2020
Os mínimos para os Jogos Olímpicos de Tóquio2020
Gostaste do artigo? Faz Gosto ou Partilha com os teus amigos!
Pedro Alves

Pedro Alves

O futebol sempre acompanhou a minha vida, assim como a natação e o voleibol. As tardes no Estádio do Maracanã, primeiro nas arquibancadas com o meu pai e depois com a “torcida” do Flamengo, são momentos que continuam a marcar as minhas recordações, principalmente a ver Zico a jogar. Em Portugal desde 1989, aos poucos o futebol e o voleibol perderam o seu espaço de prática, mas não de interesse (nesse aspeto o futebol é insubstituível, principalmente a seleção brasileira – como “doeu” os 1-7 da Alemanha… -, o Flamengo e o Barcelona). Se no Brasil a corrida era algo supérfluo, nos últimos anos acabou por ganhar a sua devida importância, primeiro como um hábito de saúde e bem-estar, depois como um desafio pessoal, concretamente terminar uma maratona, feito alcançado no Porto, em 2011. Com mais três no curriculum (duas em Lisboa e uma no Funchal), agora o objetivo é correr a primeira maratona internacional.

Gostou? Partilhe pelos amigos