Helicóptero provoca o caos na Chongqing International Marathon

O insólito aconteceu na Chongqing International Marathon, na China, quando os placards publicitários voaram em cima dos atletas devido a um… helicóptero.

Ao voar mais baixo do que o ideal, o helicóptero acabou por provocar uma “onda” de vento que fez com que os placards publicitários voassem para cima de um grupo de corredores, que certamente levaram um enorme susto.

Felizmente, ninguém ficou gravemente ferido, embora um atleta tenha saído lesionado, o que provocou uma reclamação da sua parte junto com a organização, revelou o Beijing Youth Daily.

LEIA TAMBÉM
O elixir da juventude de Dinkalem Ayele e Getnet Yetwale

Veja como tudo aconteceu

Em relação à prova, que contou com cerca de 7000 corredores na linha de partida, os vencedores foram os seguintes:

MASCULINO

  • Jimma Shambel, Tufa (ET), 2h10m28
  • Edwin Kibet Koech (KEN), 2h10m28
  • Michael Njenga Kunyuga (KEN), 2h10m33  

FEMININO

  • Aberu Mekuria Zennebe (ETH), 2h24m30
  • Zhixuan Li (CHN), 2h27m56             
  • YinLi He (CHN), 2h29m14
Gostaste do artigo? Faz Gosto ou Partilha com os teus amigos!
Pedro Alves

Pedro Alves

O futebol sempre acompanhou a minha vida, assim como a natação e o voleibol. As tardes no Estádio do Maracanã, primeiro nas arquibancadas com o meu pai e depois com a “torcida” do Flamengo, são momentos que continuam a marcar as minhas recordações, principalmente a ver Zico a jogar. Em Portugal desde 1989, aos poucos o futebol e o voleibol perderam o seu espaço de prática, mas não de interesse (nesse aspeto o futebol é insubstituível, principalmente a seleção brasileira – como “doeu” os 1-7 da Alemanha… -, o Flamengo e o Barcelona). Se no Brasil a corrida era algo supérfluo, nos últimos anos acabou por ganhar a sua devida importância, primeiro como um hábito de saúde e bem-estar, depois como um desafio pessoal, concretamente terminar uma maratona, feito alcançado no Porto, em 2011. Com mais três no curriculum (duas em Lisboa e uma no Funchal), agora o objetivo é correr a primeira maratona internacional.

Gostou? Partilhe pelos amigos