Contagem regressiva para a Wings for Life World Run

O Porto recebe mais uma vez no domingo, dia 8 de maio, a Wings for Life World Run, a única corrida global e simultânea do planeta. No total, a “prova” ocorrerá em 34 localizações espalhadas pelos seis continentes. Em Portugal teremos 3.000 participantes de 24 nacionalidades (inscrições esgotadas).

 

Partilhe pelos amigos e faça um LIKE na nossa página. Obrigado!

 

A partida da Wings for Life World Run ocorrerá em frente à Casa da Música, às 12 horas. Como curiosidade, refira-se que a prova na Califórnia (EUA) será às quatro da madrugada e, no Japão, às oito da noite. A prova nacional poderá ser acompanhada na RTP e em direto através do site www.wingsforlifeworldrun.com, www.redbull.tv/wingsforlifeworldrun, www.sapo.pt ou no ecrã gigante do Village Oficial do evento, situado junto ao Edifício Transparente, no Porto.

wingrun

Estes são os embaixadores da prova que fizeram qustão de dos nomes que fizeram questão de marcar presença na prova:

 

EMBAIXADORES EM PROVA 

António Sousa

Treinador de Atletismo

Vencedor da WFLWR 2014

Blaya

Cantora / Vocalista dos Buraka Som Sistema

Catarina Miranda

Apresentadora de Rádio

Emanuel Pombo

Atleta Downhill

Fernando Alvim

Apresentador de Rádio e TV

Hélder Rodrigues

Piloto Dakar

Hugo Pinheiro

Atleta Bodyboard

Isabel Silva

Apresentadora de TV

João Correia

Atletismo em Cadeira de Rodas

João Matias

Modelo em Cadeira de Rodas

João Silva

Atleta Triatlo

Mária Santos

Vencedora da WFLWR 2014

Mário Pardo

Atleta Base Jump

Nuno Vitorino

Atleta Surf Adaptado

Pedro Fernandes

Apresentador de TV

Rosa Mota

Lenda Atletismo

Tiago Pires

Atleta Surf

Tomaz Morais

Treinador Rugby

Vasco Ribeiro

Atleta Surf

 

No ano passado, a Wings for Life World Run reuniu cerca de 100 mil atletas que têm como objetivo apoiarem a Fundação Wings for Life, que procura angariar fundos para a investigação científica e encontrar a cura para as lesões na espinal medula, patologia que afeta mais de três milhões de pessoas em todo o mundo.

Recorde-se que a Wings for Life World Run não apresenta uma distância fixa. Em vez da tradicional linha de meta, os atletas são perseguidos por um Carro Meta – conduzido pela modelo e piloto Diana Pereira em Portugal – que arranca meia hora depois da partida.

wingrun4

Quando um atleta é apanhado pelo Carro Meta, a sua corrida termina, o que irá acontecer até ao ponto em que se encontrem na estrada apenas um homem e uma mulher em todo o mundo, sendo ambos coroados Campeões Globais da Wings for Life World Run, que terão como prémio a participação num Campo de Treino com a duração de quatro semanas, para duas pessoas, com as despesas incluídas.

Já os campeões nacionais poderão escolher um dos 34 percursos à volta do mundo para correr em 2017.

wingrun3

Gostaste do artigo? Faz Gosto ou Partilha com os teus amigos!
Pedro Alves

Pedro Alves

O futebol sempre acompanhou a minha vida, assim como a natação e o voleibol. As tardes no Estádio do Maracanã, primeiro nas arquibancadas com o meu pai e depois com a “torcida” do Flamengo, são momentos que continuam a marcar as minhas recordações, principalmente a ver Zico a jogar. Em Portugal desde 1989, aos poucos o futebol e o voleibol perderam o seu espaço de prática, mas não de interesse (nesse aspeto o futebol é insubstituível, principalmente a seleção brasileira – como “doeu” os 1-7 da Alemanha… -, o Flamengo e o Barcelona). Se no Brasil a corrida era algo supérfluo, nos últimos anos acabou por ganhar a sua devida importância, primeiro como um hábito de saúde e bem-estar, depois como um desafio pessoal, concretamente terminar uma maratona, feito alcançado no Porto, em 2011. Com mais três no curriculum (duas em Lisboa e uma no Funchal), agora o objetivo é correr a primeira maratona internacional.

Gostou? Partilhe pelos amigos