Primeiro Centro de Trail Running da Área Metropolitana do Porto inaugurado domingo

É já no domingo, 18 de março, que a Área Metropolitana do Porto inaugurará o seu primeiro centro de Trail Running, concretamente em Valongo.

 

Segundo um comunicado da Câmara Municipal de Valongo, o centro de Trail Running, preparado para utilização noturna, será fundamental «para o desenvolvimento do desporto outdoor na Área Metropolitana», fruto das suas infraestruturas que em muito vão contribuir para a dinamização das Serras do Porto.

No total, o centro de Trail Running terá uma rede de percursos com 90 quilómetros de trilhos, sendo quatro percursos homologados pela Associação Portuguesa de Trail Running: Trilho do rio Ferreira (10 quilómetros), Trilho de Santa Justa (12 quilómetros), Trilho do Paleozoico (23 quilómetros) e Trilho do Vale Longo (45 quilómetros).

O ponto central do centro de Trail Running de Valongo será o parque da cidade, que dá acesso ao corredor ecológico e às Serras de Santa Justa e Pias, que integram o Parque das Serras do Porto. É nele que podemos encontrar balneários e outras estruturas de apoio, proporcionando aos utilizadores «as melhores condições de segurança e conforto possíveis numa corrida de montanha».

A sessão de inauguração do centro de Trail Running de Valongo, no domingo, contará com uma caminhada e começará às 11h00.

Gostaste do artigo? Faz Gosto ou Partilha com os teus amigos!
Pedro Alves

Pedro Alves

O futebol sempre acompanhou a minha vida, assim como a natação e o voleibol. As tardes no Estádio do Maracanã, primeiro nas arquibancadas com o meu pai e depois com a “torcida” do Flamengo, são momentos que continuam a marcar as minhas recordações, principalmente a ver Zico a jogar. Em Portugal desde 1989, aos poucos o futebol e o voleibol perderam o seu espaço de prática, mas não de interesse (nesse aspeto o futebol é insubstituível, principalmente a seleção brasileira – como “doeu” os 1-7 da Alemanha… -, o Flamengo e o Barcelona). Se no Brasil a corrida era algo supérfluo, nos últimos anos acabou por ganhar a sua devida importância, primeiro como um hábito de saúde e bem-estar, depois como um desafio pessoal, concretamente terminar uma maratona, feito alcançado no Porto, em 2011. Com mais três no curriculum (duas em Lisboa e uma no Funchal), agora o objetivo é correr a primeira maratona internacional.

Gostou? Partilhe pelos amigos