Assembleia da República aprova por unanimidade um Voto de Congratulação pelas vitórias de João Oliveira

manuelatender

Depois do Presidente da República (leia aqui), o atleta João Oliveira, vencedor da Ultramaratona Milano-Sanremo (leia aqui), recebeu esta sexta-feira um voto de congratulação da Assembleia da República, numa iniciativa da deputada Manuela Tender.

 

Partilhe pelos amigos e faça um LIKE na nossa página. Obrigado! 

 

«É com muito orgulho que anuncio aqui que a Assembleia da República aprovou hoje por unanimidade um Voto de Congratulação pelas vitórias do ultramaratonista de Chaves João Oliveira. Na qualidade de autora da iniciativa, sublinho com natural satisfação o bom acolhimento que a iniciativa teve, sendo subscrita por vários Deputados de diversos Grupos Parlamentares, e a unanimidade da votação, sinal do reconhecimento do mérito do atleta flaviense, que hoje pôde assistir, na Galeria dos Convidados, com alguma emoção, decerto, à leitura e aprovação do voto pelo Parlamento Nacional», escreve a deputada na sua página do Facebook.

Manuela Tender aproveitou a rede social para revelar, através de fotos, o texto do Voto de Congratulação que redigiu e que foi aprovado por unanimidade.

jooli

jooli1

Gostaste do artigo? Faz Gosto ou Partilha com os teus amigos!
Pedro Alves

Pedro Alves

O futebol sempre acompanhou a minha vida, assim como a natação e o voleibol. As tardes no Estádio do Maracanã, primeiro nas arquibancadas com o meu pai e depois com a “torcida” do Flamengo, são momentos que continuam a marcar as minhas recordações, principalmente a ver Zico a jogar. Em Portugal desde 1989, aos poucos o futebol e o voleibol perderam o seu espaço de prática, mas não de interesse (nesse aspeto o futebol é insubstituível, principalmente a seleção brasileira – como “doeu” os 1-7 da Alemanha… -, o Flamengo e o Barcelona). Se no Brasil a corrida era algo supérfluo, nos últimos anos acabou por ganhar a sua devida importância, primeiro como um hábito de saúde e bem-estar, depois como um desafio pessoal, concretamente terminar uma maratona, feito alcançado no Porto, em 2011. Com mais três no curriculum (duas em Lisboa e uma no Funchal), agora o objetivo é correr a primeira maratona internacional.

Gostou? Partilhe pelos amigos