Conheça casos concretos das variáveis de treinos

Nos dois artigos anteriores, Belino Coelho abordou quais são as variáveis trabalhadas dentro de um treino planeado, tais como Fartlek, Coordenação motora, “Treino Longo”, Regenerativos, etc. Hoje, o diretor técnico da Elite Assessoria Esportiva, do Brasil, responsável pelo treino e orientação de mais de 150 atletas, oferece casos concretos de treinos onde são utilizadas essas variáveis.

 

 

 

LEIA TAMBÉM
O guia de treino do corredor

 

LEIA TAMBÉM
O guia de treino do corredor (Parte II)

 

Ficou com alguma dúvida ou tem alguma sugestão de tema que gostaria que fosse abordado?
Mail: belino.coelho@eliteesportiva.com.br
Telefone: +55 11 5518-3409
Instagram: @belinocoelho
Facebook: https://www.facebook.com/belino.coelho

  • Este texto é escrito em português do Brasil
Gostaste do artigo? Faz Gosto ou Partilha com os teus amigos!
Pedro Alves

Pedro Alves

O futebol sempre acompanhou a minha vida, assim como a natação e o voleibol. As tardes no Estádio do Maracanã, primeiro nas arquibancadas com o meu pai e depois com a “torcida” do Flamengo, são momentos que continuam a marcar as minhas recordações, principalmente a ver Zico a jogar. Em Portugal desde 1989, aos poucos o futebol e o voleibol perderam o seu espaço de prática, mas não de interesse (nesse aspeto o futebol é insubstituível, principalmente a seleção brasileira – como “doeu” os 1-7 da Alemanha… -, o Flamengo e o Barcelona). Se no Brasil a corrida era algo supérfluo, nos últimos anos acabou por ganhar a sua devida importância, primeiro como um hábito de saúde e bem-estar, depois como um desafio pessoal, concretamente terminar uma maratona, feito alcançado no Porto, em 2011. Com mais três no curriculum (duas em Lisboa e uma no Funchal), agora o objetivo é correr a primeira maratona internacional.

Gostou? Partilhe pelos amigos