Corra mas não se esqueça do core

«A principal função dos músculos do tronco é garantir a estabilidade e a mobilidade da coluna vertebral, criando um apoio em volta dela. Alguns dos músculos que constituem o tronco são os abdominais, o diafragma, os músculos pélvicos, os dorsais, os glúteos e parte dos músculos do quadril. Este conjunto de músculos estabiliza a coluna vertebral, possibilitando a realização de movimentos com pesos, sem lesões», escreve Nuno Neves no seu livro «Treine como uma Estrela», editado pela Chá das Cinco. Apresentamos uma série de exercícios que devem ser feitos pelos corredores, já que o core é um dos segredos da perfomance de qualquer corredor.  

 

 

 

Gostaste do artigo? Faz Gosto ou Partilha com os teus amigos!
Pedro Alves

Pedro Alves

O futebol sempre acompanhou a minha vida, assim como a natação e o voleibol. As tardes no Estádio do Maracanã, primeiro nas arquibancadas com o meu pai e depois com a “torcida” do Flamengo, são momentos que continuam a marcar as minhas recordações, principalmente a ver Zico a jogar. Em Portugal desde 1989, aos poucos o futebol e o voleibol perderam o seu espaço de prática, mas não de interesse (nesse aspeto o futebol é insubstituível, principalmente a seleção brasileira – como “doeu” os 1-7 da Alemanha… -, o Flamengo e o Barcelona). Se no Brasil a corrida era algo supérfluo, nos últimos anos acabou por ganhar a sua devida importância, primeiro como um hábito de saúde e bem-estar, depois como um desafio pessoal, concretamente terminar uma maratona, feito alcançado no Porto, em 2011. Com mais três no curriculum (duas em Lisboa e uma no Funchal), agora o objetivo é correr a primeira maratona internacional.

Gostou? Partilhe pelos amigos