Sara Moreira segundo o caricaturista Paulo Costa

paulocosta1

O nosso CORREDOR ANÓNIMO, Paulo Costa (leia aqui a primeira parte da entrevista), desenha corredores desde 2014. No entanto, faz questão de não exagerar nas feições faciais, como podemos verificar na caricatura de Sara Moreira, que, este domingo, corre a Maratona de Nova Iorque.

 

Partilhe pelos amigos e faça um LIKE na nossa página. Obrigado! 

 

Faz caricaturas. Como e desde quando surgiu a ideia de fazer caricaturas para corredores?
Já trabalho com caricaturas há alguns anos, principalmente para casamentos, festas e eventos. A ideia de ilustrar atletas surgiu em 2014, quando entrei para o grupo Viciados em Corrida de Rua, no Facebook. Depois comecei a divulgar o meu trabalho que, felizmente, tem alcançado boa recepção.

Mas é algo que faz com regularidade? Consegue viver dos seus desenhos?
Até agosto de 2014 trabalhava para uma editora como ilustrador de material didático e, nas horas vagas, desenhava caricaturas, vendendo o meu trabalho via internet. Após sair da empresa, comecei a trabalhar com caricaturas e ilustrações. Estou ainda no período de conhecimento do mercado. Trabalho bastante hoje, mas ainda não consigo viver só do desenho.

SaraMoreiraE como tem sido a aceitação das suas caricaturas? Por exemplo, quantas encomendas tem por mês?
A verdade é que estou surpreso com os resultados alcançados, principalmente por ser uma ideia nova no Mundo do Running. Tenho, em média, cerca de 10 encomendas por mês. Mas, e evidentemente, que espero ter mais encomendas no futuro.

Quanto tempo demora a fazer uma caricatura?
Como a caricatura é personalizada e ilustrada, demoro em média um dia. Mas geralmente dou ao cliente uma margem de 5 dias de prazo de entrega para poder trabalhar com segurança e passar o máximo de detalhes da pessoa que estou a desenhar.

Qual a dificuldade em fazer uma caricatura? O que tem em atenção?
O mais importante na caricatura é passar a escência da pessoa e os seus detalhes faciais. Procuro no entanto não exagerar nas feições, procuro fazer o mais próximo da foto. Talvez seja esse o meu principal diferencial.

O que necessita para fazer uma caricatura?
Para fazer a caricatura solicito sempre algumas fotos para ter uma referência. Peço também que a pessoa relate com detalhes como pretende que seja a arte. No caso dos atletas, normalmente eles querem a arte personalizada, por exemplo, com o logotipo da equipa, um tipo de ténis que gosta de usar, os óculos, uma paisagem específica, etc…

É um autodidata ou aprendeu a desenhar em algum curso de desenho?
Sou autodidata e desenho desde os 7 anos. Para melhorar a minha técnica e a minha formação, costumo comprar livros ou fazer downloads de material sobre desenho e ilustração. Gostaria no entanto de, um dia, ensinar tudo o que aprendi sobre a arte do desenho à algumas crianças e adolescentes mais carenciadas aqui no Rio de Janeeiro.

Todos podem solicitar o seu trabalho?
Faço caricaturas para todo o Brasil e espero fazer em breve para o estrangeiro. Com a internet é algo muito fácil e, felizmente, possível. Aceito trabalhos através da minha página no Facebook.

Gostaste do artigo? Faz Gosto ou Partilha com os teus amigos!
Pedro Alves

Pedro Alves

O futebol sempre acompanhou a minha vida, assim como a natação e o voleibol. As tardes no Estádio do Maracanã, primeiro nas arquibancadas com o meu pai e depois com a “torcida” do Flamengo, são momentos que continuam a marcar as minhas recordações, principalmente a ver Zico a jogar. Em Portugal desde 1989, aos poucos o futebol e o voleibol perderam o seu espaço de prática, mas não de interesse (nesse aspeto o futebol é insubstituível, principalmente a seleção brasileira – como “doeu” os 1-7 da Alemanha… -, o Flamengo e o Barcelona). Se no Brasil a corrida era algo supérfluo, nos últimos anos acabou por ganhar a sua devida importância, primeiro como um hábito de saúde e bem-estar, depois como um desafio pessoal, concretamente terminar uma maratona, feito alcançado no Porto, em 2011. Com mais três no curriculum (duas em Lisboa e uma no Funchal), agora o objetivo é correr a primeira maratona internacional.

Gostou? Partilhe pelos amigos