Maratona de Valência foi a terceira do ano a ter o Top 10 a correr em menos de 2h10

A Maratona de Valência confirmou no domingo ser uma das principais provas do Mundo. Este ano, apenas em Amesterdão e Tóquio tivemos 10 atletas a correr abaixo das 2h10.

 

Apesar da desilusão da desistência de Sara Moreira, uma das principais favoritas ao triunfo, e de Hermano Ferreira e da excelente prestação de Mónica Silva, oitava da classificação feminina, a Maratona de Valência comprovou que o trabalho realizado nas últimas décadas, principalmente neste século, deu resultado, sendo hoje uma das referências na Europa e no Mundo.

LEIA TAMBÉM
Mónica Silva alcança o oitavo lugar na Maratona de Valência

«Queremos que Valência tenha a melhor Maratona da Europa. A cidade entregou-se a esta prova. O nosso objetivo é continuar a baixar estes recordes e que a Maratona continue a ter esta boa saúde em Valência. Temos de fazer notar que somos a terceira cidade de Espanha», afirmou um extasiado Juan Roig, empresário e um dos grandes promotores da prova.

Após o recorde do Mundo na Meia-maratona, a Maratona masculina alcançou no passado domingo uma importante marca, já que foi concluída em 2h05m14, um registo que coloca Valência no Top 12 dos melhores tempos de sempre da distância em cada cidade (neste Top são apenas contabilizados o melhor tempo alcançado em cada cidade, que poderá ter mais melhores registos que das suas “parceiras” na lista). De referir que a melhor marca em Lisboa é de 2h08m21.

LEIA TAMBÉM
Joyciline Jepkosgei alcança o recorde do Mundo da Meia-maratona

2h02m57 – Berlim
2h03m05 – Londres
2h03m42 – Frankfurt
2h03m45 – Chicago
2h03m58 – Tóquio
2h04m11 – Dubai
2h04m27 Roterdão
2h05m04 – Paris
2h05m06 – Nova Iorque
2h05m09 – Amesterdão
2h05m13 – Seul
2h05m14 – Valência

Maratona de Valência alcança feito de Amesterdão e Tóquio

Com o epíteto de “Ciudad del Running”, dos cerca de 18 mil maratonistas presentes na meta no passado domingo, cerca de 16300 atletas terminaram a prova, uma demonstração da importância que a prova tem hoje no panorama mundial.

No entanto, o que deve ser salientado é o seu Top 10 ter terminado a corrida abaixo das 2h10, algo apenas alcançado este ano nas maratonas de Amesterdão e Tóquio. Por exemplo, em Berlim, considerada a melhor prova para baixar os tempos, apenas o Top 6 conseguiu tal proeza, com o sértimo colocado a registar 2h011m24.

LEIA TAMBÉM
Nunca se correu tão rápido na Maratona em Espanha como em Valência

Maratona de Valência 2018 será realizada em dezembro

Este dado, em termos de “venda” internacional, é algo absolutamente promissor para os organizadores da Maratona de Valência, que foi a primeira prova espanhola na distância a receber a distinção Gold da IAAF (a Maratona de Sevilha foi distinguida este ano).

O Top 10 da Maratona de Valência
O Top 10 da Maratona de Valência

Apesar de festejar o tempo alcançado por Sammy Kitwara, as comemorações para os organizadores da Maratona de Valência não serão longas, já que, em março de 2018, a cidade acolherá o Mundial de Meia-maratona, no dia 24 de março… 

 

Gostaste do artigo? Faz Gosto ou Partilha com os teus amigos!
Pedro Alves

Pedro Alves

Gostou? Partilhe pelos amigos